top of page

Previna hoje, para não remediar amanhã



O processo de envelhecimento traz consigo a sabedoria e aprendizagens de uma vida, acompanhado, infelizmente, por um processo natural degenerativo do nosso corpo e mente. A grande questão é a que velocidade vamos permitir que essa degeneração aconteça. Não podemos evitar envelhecer, mas podemos fazê-lo mais lentamente. Não, não estamos a falar de esconder as rugas da pele, mas sim dos cuidados que podemos ter para minimizar os impactos do envelhecimento.

Segundo um relatório da Organização Mundial da Saúde, diversas doenças crónicas podem ser prevenidas, entre as quais 80% dos casos de doença coronária, de AVC’s e de diabetes no adulto, e 40% dos casos de cancro.

Neste artigo vamos perceber porque é importante a prevenção e alguns dos seus benefícios.

Porquê prevenir?

Atualmente, a vida de qualquer pessoa está sujeita a muitas agressões. Além do stress, hábitos como o tabagismo, o etilismo, a irregularidade do sono, comida processada e a alta exposição aos poluentes são fatores que sugerem a necessidade de medidas preventivas urgentes.

É importante frisar, que a prevenção não é importante apenas para envelhecer mais devagar ou de forma mais saudável. Existem muitas doenças que afetam muitas pessoas antes da terceira idade. Entre elas, destacam-se as doenças infeciosas, as alterações mentais, os problemas cardiovasculares (como insuficiência cardíaca e enfarte) e o cancro.

Com a evolução do trabalho, também passou a existir um maior sedentarismo. Passamos dias inteiros sentados e quem não tem o hábito de fazer exercícios na juventude dificilmente mudará na vida adulta ou na terceira idade. Mas a boa notícia é que, mesmo numa idade mais avançada, a atividade física pode reverter algumas complicações resultantes de uma vida sedentária.

Um estudo divulgado pela Associação Americana do Coração destacou a possibilidade de treinos regulares rejuvenescerem corações envelhecidos e diminuírem o risco de insuficiência cardíaca. Ou seja: os exercícios podem reverter os efeitos cardíacos de uma vida sedentária até entre as pessoas de meia-idade.

Isso mostra a importância da prevenção e o quanto um estilo de vida mais saudável influencia todo o processo.

A importância da prevenção

Viva mais e melhor

Os cuidados preventivos podem aumentar drasticamente a esperança e qualidade de vida. Cuidando de si vive mais anos, com mais tempo para fazer o que gosta, mais saúde, mais independência e mais energia.

Melhore a sua vida pessoal